Uma viagen pelo universo da imaginação

Antonio de Paula: um pioneiro na causa ambiental

Verbo de ligação

"A floresta é cheia de mistério, e a água também", diz Antonio (Foto: Diego Gurgel) “A floresta é cheia de mistério, e a água também”, diz Antonio (Foto: Diego Gurgel)

“A vida na floresta é um sem fim de coisas e a gente nunca sabe tudo”, ensina Antonio Francisco de Paula, um dos ativistas pioneiros da causa ambientalista no Acre. Chegou ao estado há 65 anos para explorar seringa, após deixar o Ceará com parentes e amigos: “Nordestino é aventureiro. Gosta de tentar o difícil”.

Bote dificuldade nisso. De saída já pegou malária. E, além de alguns encontros casuais com onças felizmente não esfomeadas, contabiliza duas picadas de jararaca e duas ferradas de arraia. “Para viver na mata, precisei nascer de novo. Tive que aprender a remar, caçar e pescar”, relembra.

Tarefas cujo domínio seu Antonio alcançou não sem um olhar poético: “Lá a gente precisa dos saberes tradicionais, precisa dos cinco sentidos e de mais um sexto sentido”. E não sem experimentar a sua beleza:…

Ver o post original 608 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s