Uma viagen pelo universo da imaginação

a vida é séria, e a guerra é dura…deixa eu viver minha loucura

Fernanda Beziaco

9

Então começou. A imprensa estava buscando mais informações para desmascarar todos os políticos envolvidos no caso. Nos meus sonhos mais profundos eu tinha para comigo de que um dia um escândalo muito violento faria o Barba tirar a própria vida.

Seria bem mais fácil pra mim se ele tivesse coragem o suficiente para pegar uma arma e enfiar uma bala na própria cabeça. Seria também mais humilhante, para ele, é claro. A humilhação de não aguentar a sua própria podridão e não conseguir viver mais consigo. O problema, meus caros, é que esse filho de uma quenga não ia se matar de jeito nenhum. Quanto mais podre, mais rico e quanto mais rico, mais fácil de dormir em cima de sua própria imundice.

Enquanto a imprensa ia cavando, mexendo na merda, mais a merda fedia. Todo dia era algo novo no jornal martelando o envolvimento de Barba e de…

Ver o post original 1.151 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s