Uma viagen pelo universo da imaginação

BEIJO

UNOBTAINIUM

BEIJO

BEIJO

Por Cláudio El-Jabel

Beijo, de repente,

Diria claramente algo bem diferente,

É a pura emoção da entrega,

Quem beija disso não nega,

Falar dele de uma forma bem mais preciso,

Beijar é mais que isso,

É sentir o pulsar em emoção,

O gosto do carinho em explosão,

Abrir seu intimo sem medo,

Revelar sem palavras todos os segredos,

Mudar o ritmo da vida,

Esquecer na inquietude do momento,

E extasiar-se sem tormento,

Provar do gosto que o desejo oferta,

Abrir-se ao prazer na hora mais certa,

Nessa poesia do beijo,

Onde a troca se faz no cortejo,

No desejo de se beijar,

Fechar então os olhos,

E na tocada de língua se entregar.

Ver o post original

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s