Uma viagen pelo universo da imaginação

Entrelinhas – reed. 2007

Sonhos Desencontrados

monopoly-junior-600771_1280

Procuro definir o conceito de “entrelinhas”, o qual urge clarificar, nos dias em que a democracia se assemelha a um equívoco, da utopia existencial numa sociedade lutadora, porém não recompensada, segregada pelo estigma social, cada vez mais demarcado por extremos.
Extemporâneas são as entrelinhas referentes à classe média e aos valores. Os limites corroem prováveis classes sociais e derrubam os valores, cada vez mais inusitados, perante esta perspetiva.

Nas entrelinhas, por vezes, encontramos o todo, a essência, o eticamente incorreto ou o correto, a verdade, a mentira, o socialmente condenado, por razões raramente claras, as palavras e os sentimentos mutilados pela ditadura.

Mudam-se os tempos mas a história permanece. Os reflexos do Estado Novo são acutilantes. Muitos dos novos chefes das estruturas e repartições da nação, sob o desígnio socialista, desconhecendo a sua génese e práticas, dão lugar a verdadeiros atos de ditadura. São elementos da nova PIDE. Este é…

Ver o post original 98 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s