Uma viagen pelo universo da imaginação

Galeria

Centenario de Xosé María Álvarez Blázquez. Construtor dunha cidade de libros (Tui, 1915 -Vigo, 1985)

Caderno da crítica

Visitei hoxe, cun grupo de docentes e alumnado do IES Valadares, a exposición titulada Centenario de Xosé María Álvarez Blázquez. Construtor dunha cidade de libros (Tui, 1915 -Vigo, 1985) que acolle a Casa Galega da Cultura de Vigo e que estará aberta ao público até o 17 de maio.

   Comisariada por Berta Álvarez Cáccamo, Xosé María Álvarez Cáccamo e María Dolores Cabrera Iglesias, gozamos da fortuna que fose esta última persoa -excelente coñecedora da figura homenaxeada- que nos guiou con amenidade polos fondos expositivos, tanto bibliográficos como documentais e doutro tipo, que custodia a Fundación Penzol, xunto con outro material, descoñecido, que provén  do arquivo familiar e que, particularmente, moito me chamou a atención, sobre todo aquel que tiña que ver coa actividade política do autor: velaí o  o prego de cargos acusatorio ao comezar a guerra civil ou documento no que se recolle o proceso que levou á execución do…

Ver o post original 174 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s